Nova Crixás comemora um ano de instalação com Justiça Ativa

12/ago/2010

Nova Crixás promove 108 audiências

Nova Crixás promove 108 audiências

O programa  Justiça Ativa atendeu nesta quinta-feira (12/8) a população de Nova Crixás com a realização de 108 audiências. Os trabalhos foram realizados durante todo o dia no Colégio Estadual Zilo Ferreira em clima de comemoração pelo primeiro aniversário de instalação da comarca no dia 15 de julho de 2009, em solenidade presidida pelo presidente do Tribunal de Justiça de Goiás, desembargador Paulo Teles. As comemorações começaram na noite da última quarta-feira (11) com uma recepção aos juízes e servidores de comarcas vizinhas que se deslocaram com a intenção de auxiliar nas audiências agendadas.

                           
O diretor do Foro de Nova Crixás, juiz Joviano Carneiro Neto, após agradecer a presença de todos, falou das realizações alcançadas no primeiro ano da comarca, e lembrou o desafio de assumir os trabalhos. Ele ainda ressaltou o dinamismo da gestão de Paulo Teles, que sempre apoiou a empreitada. Joviano Neto também destacou o empenho do juiz-auxiliar da presidência, Enyon  Artur Fleury Lemos. ”Não podemos esquecer do Enyon, que sempre batalhou muito para  que chegassemos a esse ponto de conquistas não só para Nova Crixás, mas para toda a região do Vale do Araguaia”. Na ocasião, em nome de todos os servidores da comarca, o secretário do juiz, Danilo Marques Maciel, homenageou o juiz-auxiliar da Presidência com uma placa de agradecimento pela dedicação prestada à comarca de Nova Crixás.
                       

Obra do novo fórum de Nova Crixás

Obra do novo fórum de Nova Crixás

Emocionado, Enyon lembrou de seu pai, ex-presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Leôncio Pinheiro de Lemos, que deixou a pequena vila de São José dos Bandeirantes, aos nove anos de idade e analfabeto, para estudar em Goiânia, onde se tornou juiz, desembargador e, posteriormente, presidente Tribunal de Justiça. “ Me sinto muito feliz e realizado, por ter contribuído com um sonho que começou com meu pai e depois acabou virando meu também, mas vamos continuar trabalhando muito para trazer mais benefícios para a região do Vale do Araguaia. Aqui tem uma gente humilde, carente, mas muito trabalhadora e por determinação do presidente Paulo Teles, vamos continuar arregaçando as mangas. Lembro a todos que, até o final do ano, vamos entregar o novo prédio do Fórum e muito mais virá”, afirmou.

            
Visita ao presídio de Nova Crixás
Pela manhã, os juízes Joviano Neto, Enyon Lemos e o prefeito da cidade de Nova Crixás, Lázaro Valdivino da Silva,  visitaram o presídio local para apresentar quatro novos agentes penitenciários, treinados pela Superintendência do Sistema de Execução Penal (Susepe). Eles foram contratados pelas prefeituras de Nova Crixás e Mundo Novo e  a partir desta quinta-feira (12), farão parte da segurança da cadeia e serão responsáveis pela administração, controle do cumprimento de penas e repasse de informações ao juízo das execuções penais. O trabalho estava anteriormente sob a responsabilidade da Polícia Militar.
                 
                    
Gabinete Administrativo Itinerante
Também estreou nessa edição do Justiça Ativa em Nova Crixás, o projeto piloto do Gabinete Administrativo Itinerante, com a presença do diretor Paulo de Castro.O objetivo é ir ao encontro dos juízes do interior durante eventos do Judiciário, para ser feito um levantamento das necessidades de cada comarca, contabilizar novas solicitações, e sempre que possível entregar os materiais de pequeno porte. Segundo o diretor administrativo do TJGO, Paulo de Castro, “o contato por meio de papel ou pelo telefone não é tão eficaz quanto o contato pessoal”.
                                           
Na oportunidade, os magistrados receberam instruções sobre o acompanhamento dos processos de solicitações pela intranet do TJGO. “Somente conhecendo a fundo o problema é que teremos condições para solucioná-lo”, afirmou. Para ele, além de estreitar laços, a iniciativa mostrará que o Judiciário está realmente atento às solicitações das comarcas de todo Estado. “Espero que o projeto sirva de exemplo para as demais administrações”, concluiu.