O 1º Tribunal do Júri da comarca de Goiânia vai realizar sessão, na quarta-feira (24), a partir das 8h30, para julgar Gustavo de Jesus Carvalho, pela tentativa de homicídio praticada contra o policial militar Hemerson Pereira da Silva. A sessão será presidida pelo juiz Jesseir Coelho de Alcântara.


Segundo a denúncia do Ministério Público do Estado de Goiás (MPGO), por volta das 22 horas do dia 1º de abril de 2015, Gustavo Carvalho tentou matar o militar depois de uma perseguição policial. Ele estaria praticando assaltos na companhia de uma pessoa identificada por Paulo e utilizava um Honda City roubado.
Segundo a denúncia do MPGO, o veículo era dirigido por Paulo e Gustavo Carvalho utilizou a pistola que portava para atirar no PM. Durante a troca de tiros, o acusado foi alvejado, o que possibilitou a sua prisão em flagrante, posteriormente convertida em prisão preventiva. Gustavo Carvalho chegou a ser indiciado pela tentativa de homicídio também contra o policial militar Pablo Junio Soares Campos, mas não foi provada a materialidade delitiva, o que levou à impronúncia neste caso.

Fale conosco sobre esta página