A melhora do sistema prisional em Goiás, com soluções efetivas que possam amenizar os graves problemas afetos a essa área, e a busca pela humanização dentro dos presídios, foram os temas principais de mais uma reunião realizada na tarde desta quinta-feira (10) entre o corregedor-geral da Justiça do Estado de Goiás, desembargador Kisleu Dias Maciel Filho, desembargador Jairo Ferreira Júnior, supervisor do Grupo de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário do Estado de Goiás (GMF/GO), juízes auxiliares da Corregedoria e da Presidência, magistrados ligados à área da Execução Penal, representante do Conselho Nacional de Justiça, e o coronel Wellington de Urzêda Mota, que está à frente da Diretoria Geral de Administração Penitenciária (DGAP) de Goiás.

“Somos todos Tribunal de Justiça, vamos todos ajudar o Tribunal a fazer Justiça!” Foi essa frase impactante, entoada pelos servidores da comarca de Goianésia na manhã desta quinta-feira (3), que deu o tom de abertura do 4º Encontro Regional da 11ª Região Judiciária durante momento interativo com a equipe da Diretoria de Recursos Humanos do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), abordando a temática “Todos Somos Líderes! Como Liderar com Eficiência e Sensibilidade”. O evento está sendo executado pela Corregedoria-Geral da Justiça do Estado de Goiás, por meio da Diretoria de Planejamento e Programas.

A busca incessante da Justiça pela pacificação social aliada à integração, sensibilidade, acessibilidade, diálogo aberto e aprimoramento contínuo de magistrados e servidores. Com esse viés, a comarca de Goianésia vivenciou nesta sexta-feira (4) dois momentos importantes durante o 4º Encontro Regional da 11ª Região Judiciária, promovido pela Corregedoria-Geral da Justiça do Estado de Goiás: a consolidação do Projeto Pilares, visando disseminar a paz no meio escolar com metodologias inerentes dos círculos restaurativos de construção de paz e o treinamento de facilitadores nesta seara para o exercício dessa missão; e a interação, intercâmbio, capacitação e troca de informações com magistrados, servidores e comunidade local.

A importância de capacitar magistrados, servidores e funcionários dos cartórios que atuam no âmbito do extrajudicial foi um dos assuntos discutidos nesta segunda-feira (30) durante a 5ª Reunião realizada pela Corregedoria-Geral da Justiça do Estado de Goiás e os representantes das Associações de Notários e Registradores de Goiás. Os encontros, que tem à frente o juiz Algomiro Carvalho Neto, auxiliar da CGJGO e responsável pelo extrajudicial no Estado, são promovidos mensalmente com o intuito de promover uma maior interação entre a Corregedoria e os cartorários, visando o aprimoramento das atividades cartorárias com o fim de melhorar a prestação jurisdicional por meio de um trabalho profícuo e conjunto.

Fale conosco sobre esta página