O 2º Juizado Especial da Fazenda Pública e a Vara de Sucessões receberam, em outubro, suporte da Divisão de Apoio Jurídico às Unidades Judiciárias da Diretoria do Foro da comarca de Goiânia. O trabalho é coordenado pela juíza auxiliar da comarca, Cristiane Moreira Lopes Rodrigues, resultando em 543 atos processuais proferidos em um mês. Do total de atos, 178 foram no 2º Juizado Especial da Fazenda Pública e 365 atos na unidade da Vara de Sucessões. 

Neste mês de novembro, a Divisão de Apoio Jurídico às Unidades Judiciárias, formada pela juíza coordenadora e quatro servidores, continua atuando no 2º Juizado Especial da Fazenda Pública e na Vara de Sucessões. Entre as competências daquela unidades se destacam: o apoio aos juízes da comarca de Goiânia, em regime de força-tarefa, com a elaboração de sentenças, decisões, despachos e audiências; propor alterações e modernização dos trabalhos de gestão judicial, em ação conjunta com a Coordenadoria Judiciária e a elaboração de mapas estatísticos dos trabalhos.

“Como o próprio nome sugere, a unidade de apoio jurídico tem exatamente o papel de auxiliar os locais onde detectamos mais acúmulo de serviço ou uma taxa de congestionamento mais alta. É o caso, por exemplo, da Vara de Sucessões, criada em outubro do ano passado e onde estamos prestando esse apoio desde setembro, pois o número de processos distribuídos estava maior do que o de processos arquivados”, explica do diretor do Foro da comarca de Goiânia, juiz Paulo César Alves das Neves. (Texto: Daniela Becker / Foto: banco de imagens - Centro de Comunicação Social do TJGO).

Fale conosco sobre esta página