Por solicitação da Diretoria do Foro da comarca de Goiânia, foi criada, dentro do sistema de Processo Judicial Digital (PJD), uma área de distribuição “Goiânia – UPJ de Família”. A medida foi necessária após a instalação da 1ª Unidade de Processamento Judicial (UPJ), que unificou as escrivanias das seis varas judiciais de Família da capital. O campo deve ser utilizado em substituição à antiga área referente às varas de Família da capital. 

O diretor do Foro de Goiânia, juiz Paulo César Alves das Neves, comunicou ao presidente da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Goiás, Lúcio Flávio Siqueira de Paiva, sobre a nova denominação, para que a categoria tome conhecimento da mudança. No ofício, o diretor do Foro informa, ainda, que os processos em tramitação nas seis varas de Família de Goiânia já foram migrados para a nova área de distribuição dentro do sistema PJD. No total, foram migrados 78.258 processos, entre ativos, arquivados e suspensos. Considerando somente os processos ativos das seis varas de Família migrados para a UPJ, foram 21.988 processos. (Texto: Daniela Becker - Centro de Comunicação Social do TJGO). 

Fale conosco sobre esta página