A Diretoria de Informática do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás informa que está ciente das instabilidades ocorridas no Projudi/PJD e está trabalhando para solucioná-las com a maior brevidade possível. Os relatórios de interrupções serão devidamente publicados na área específica, de forma a garantir o direito à prorrogação de prazos.

A Diretoria de Informática informa, ainda,  que chegou ao seu conhecimento que usuários que possuem os antivírus Avast e AVG estão recebendo mensagens de bloqueio, ao tentarem acessar o sistema Projudi/PJD. Ao analisar o caso, foi identificado que os antivírus mencionados colocaram o domínio do TJGO em suas blacklists. Após contato com as empresas, foi informado que as inclusões nas blacklists foram realizadas de forma equivocada e, após se desculparem, informaram que estão realizando os devidos desbloqueios.

Fale conosco sobre esta página