O Órgão Especial do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), em sessão nesta quarta-feira (10), aprovou, por unanimidade, dois Planos de Gestão para o biênio 2019/2021, elaborados pela Presidência e pela Corregedoria Geral de Justiça de Goiás (CGJGO). Em ambos os documentos, estão as metas e diretrizes estratégicas para aprimorar a prestação jurisdicional no Estado.

Na apresentação, o presidente do TJGO, desembargador Walter Carlos Lemes, destacou que sua intenção é promover uma “gestão transparente, moderna, sobretudo no âmbito da informatização, eficiente e dinâmica”.

O magistrado frisou, também, que entre as premissas do biênio estão o aperfeiçoamento do sistema de Processo Judicial por meio eletrônico, a fim de tornar realidade a Sessão Virtual. “Vamos colocar o TJGO em pé de igualdade com os demais tribunais vanguardistas. O objetivo é tornar mais efetivo o cumprimento da missão do Poder Judiciário de realizar justiça”.

São 12 macrodesafios elencados no plano: efetividade na prestação jurisdicional, garantia dos direitos de cidadania, combate à corrupção e à improbidade administrativa, celeridade e produtividade, adoção de soluções alternativas de conflito, gestão das demandas repetitivas e dos grandes litigantes, impulso às execuções fiscais e cíveis, aprimoramento da gestão da Justiça Criminal, melhoria da gestão de pessoas, aperfeiçoamento da gestão de custos, instituição da governança judiciária e melhoria da infraestrutura e governança de tecnologia de informação.

Ainda segundo Walter Carlos Lemes, fazem parte, também, do escopo da gestão intensificar o uso dos sistemas de mediação, a fim de reduzir a taxa de congestionamento, ampliar a velocidade dos links de dados de todas as unidades judiciárias “de forma a tornar mais acessível aos partícipes do Sistema da Justiça, resultando numa prestação jurisdicional com mais qualidade e celeridade”.

Segundo a titular da Secretaria de Gestão Estratégica (SGE), Mislene Medrado de Oliveira Borges, o plano se diferencia por “ter sido construído de forma participativa, com colaboração dos públicos externo e interno, em sinergia com a Corregedoria Geral de Justiça de Goiás ”. (Texto: Lilian Cury / Fotos: Wagner Soares – Centro de Comunicação Social do TJGO) Veja galeria de fotos.

 

Fale conosco sobre esta página