Termina nesta sexta-feira (28) o mutirão de audiências que ocorre na comarca de Nova Crixás desde ontem (27). O mutirão é coordenado pelo juiz Thiago Brandão Boghi, juntamente com quatro procuradores do INSS. Até o encerramento, cerca de 350 audiências, em processos de ação previdenciária, deverão ser executadas. (Texto: Lorrany Oliveira – estagiária do Centro de Comunicação Social do TJGO)

Decidindo monocraticamente, o desembargador Carlos Alberto França reformou decisão da 1ª Vara Cível de Goiânia para determinar que seja feita a penhora on-line, pelo Bacenjud, de 10% dos proventos de aposentadoria de Newton Wandebergh Lopes Dutra. A decisão favorece o Sindicato dos Funcionários do Fisco do Estado de Goiás (Sindifisco).


A prova objetiva do 55º concurso para juiz substituto do Estado de Goiás será aplicada para os 5.649 candidatos inscritos no próximo domingo (30), em dois prédios da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO), na Área IV (1ª Avenida, esquina com Avenida Universitária, Setor Universitário) e Campus V (Avenida Fued José Sebba nº 1184, Jardim Goiás).

O banco Santander foi obrigado a retirar de Serviço de Proteção ao Crédito o nome de Paulo Pinto Silva. No entanto, em sua sentença, o juiz da 3ª Vara Cível de Goiânia, Joseli Luiz Silva, negou o pedido de indenização feito por Paulo, no valor de R$ 264,6 mil, por considerá-la como abusiva e indevida. Paulo realizou um empréstimo em 2009, no valor de R$ 2,4 mil, dividido em 12 parcelas de R$ 231.

Fale conosco sobre esta página