O Pai Presente, projeto executado pela Corregedoria-Geral da Justiça de Goiás (CGJGO) é o tema desta sexta-feira (10) do programa Mesa dos Notáveis, transmitido pela Rádio Vinha 91,9 FM (emissora da Igreja Videira), das 12h30 às 14 horas. A apresentação é transmitida ao vivo e tem alcance nacional.

A corregedora-geral da Justiça, desembargadora Beatriz Figueiredo Franco, acompanhada dos juízes-auxiliares da Corregedoria-Geral da Justiça de Goiás (CGJGO), Carlos Magno Rocha da Silva e Camila Nina Erbetta Nascimento e Moura, participou nesta terça-feira (07) de audiência na qual o governador Marconi Perillo assinou Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) referente à situação de adolescentes infratores.

A Divisão de Atividades Específicas da Corregedoria-Geral da Justiça de Goiás (CGJGO) analisou, nos meses de junho e julho, total de 7.221 processos, executando 2.436 atos - 1.810 sentenças, 153 decisões e 473 despachos. - nas comarcas de Goiânia, Jataí, Aparecida de Goiânia, Minaçu, Alexânia, Anápolis, Bela Vista, Iporá, Cavalcante, Alto Paraíso e Itapaci.

A Corregedoria-Geral da Justiça de Goiás (CGJGO) já está encaminhando às comarcas de todo o Estado exemplares do Manual de Bens Apreendidos, produzido pela Corregedoria Nacional de Justiça (CNJ). O manual tem por objetivo subsidiar decisões na destinação mais célere de bens sob custódia judicial. Por meio do Ofício-Circular nº057/2012, encaminhado à Presidência do Tribunal de Justiça de Goiás (TJGO), a corregedora nacional de Justiça, ministra Eliana Calmon, informou que, no ano passado, apenas 0,23% dos bens apreendidos foram destinados antecipadamente “causando vigoroso congestionamento de bens de toda ordem em pátios, armazéns e depósitos de todo o País”.

Texto:Patrícia Papini

Fale conosco sobre esta página