A Vara de Execução de Penas e Medidas Alternativas de Goiânia (Vepema) destinou R$ 273 mil a causas sociais, de saúde, educação e segurança pública neste segundo semestre. A unidade judiciária se prepara, agora, para lançar mais um edital, a fim de contemplar novas entidades, com inscrições abertas a partir do dia 2 de novembro. Os valores são provenientes do Fundo das Prestações Pecuniárias da comarca e, na primeira metade deste ano, foram destinados mais de R$ 1 milhão para a Secretaria de Saúde e R$ 300 mil ao Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia, visando a contribuir com o combate à pandemia do novo coronavírus.

O fórum da comarca de Paranaiguara está sem internet desde a tarde desta terça-feira (27). O problema já foi notificado à empresa responsável, que está trabalhando para o reparo, ainda sem previsão de retorno de funcionamento da rede. (Centro de Comunicação Social do TJGO)

A comarca de Sanclerlândia informa que o leilão de 4 alqueires e 28 litros de terras rurais foi remarcado para terça-feira (17),  a partir das 9 horas. O leilão será feito exclusivamente por meio eletrônico,  pelo site, em dois pregões sucessivos, com duração de três horas cada um.

A 2ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO) denegou ordem mandamental a servidores do Fisco Estadual, que pleiteavam progressão funcional. Apesar de preencherem os requisitos para a ascensão na carreira, o colegiado ponderou a vigência da Emenda Constitucional (EC) nº 54/2017, que suspendeu progressões funcionais por antiguidade até o fim deste ano, a fim de não aumentar despesas aos cofres públicos. O relator do voto – acatado por unanimidade – foi o desembargador Carlos Alberto França, presidente eleito do TJGO.

Fale conosco sobre esta página