O juiz Vôlnei Silva Fraissat, da comarca de Jussara, foi até a casa de Valmir Tomaz da Silveira, de 50 anos, para aposentá-lo. O homem é portador de insuficiência renal crônica irreversível e não conseguiria se descolar até ao fórum para sua audiência. No entanto, o magistrado foi até a residência e lhe concedeu o benefício.

O estudante Edgar Marques Ferreira Júnior receberá, como indenização por danos morais, a quantia de R$ 20 mil, conforme sentença proferida pela juíza Simone Pedra Reis durante o programa Justiça Ativa, realizado na comarca de Cavalcante. O jovem foi vítima de um acidente de trânsito e o valor será pago pelos motoristas que provocaram o atropelamento.

A segunda fase de seleção para assistentes jurídico e administrativo da 2ª Vara Cível de Fazenda Pública Municipal e Regional Pública e Ambiental da comarca de Luziânia será nesta sexta-feira (2), na sala de audiências da Vara de Família e Sucessões no 1º andar do fórum, localizado na Avenida Nylon Rolin, Qd. M, Lot. 7A/7B, Parque JK, Setor Mandu 2.

A Associação Ecovila Arco-Íris, em Cavalcante, na Região Nordeste de Goiás, surgiu como um propósito de vida, segundo o seu presidente, Aurimar Machado. Compartilhar, em cotas, glebas de terras entre os participantes para, juntos, usufruírem do meio ambiente, sem fins lucrativos. Contudo, sem a infraestrutura prometida, parte dos compradores desistiu do negócio e requereu o investimento de volta – dando início a uma batalha judicial. Nesta segunda-feira (28), em audiência, realizada durante o Justiça Ativa, na comarca, foi possível chegar a um acordo entre as partes, mediado pelo juiz Luís Antônio Afonso Júnior.

Fale conosco sobre esta página