Em sua quinta edição, o Encontro Regional, promovido pela Corregedoria-Geral da Justiça do Estado de Goiás, teve início nesta quinta-feira (31), na Cidade de Goiás, e conta com a adesão total de vários servidores da 8ª Região Judiciária nos três cursos oferecidos hoje: Contadoria, Gestão das Serventias Utilizando o Sistema Controle e Processo Judicial Digital (PJD). A valorização dos servidores da Justiça e o aprimoramento para o alcance de uma prestação jurisdicional de excelência tem sido um dos focos principais da CGJGO durante os encontros.

Como de costume, na abertura do encontro, houve um momento especial de interatividade com os servidores na palestra “Todos Somos Líderes! Como Liderar com Eficiência e Sensibilidade”. Ainda no período matutino, sequencialmente, serão ministradas três oficinas para os servidores: Contadoria, Gestão das Serventias Utilizando o Sistema Controle e PJD. Nesta tarde está sendo promovida uma reunião com os representantes dos cartórios extrajudiciais, sob a coordenação do juiz Algomiro Carvalho Neto, auxiliar da Corregedoria e responsável por esta área pela CGJGO.

Das 15h30 às 18 horas, será realizada pela primeira vez uma capacitação voltada para os secretários das Diretorias dos Foros das comarcas envolvidas e para os assistentes das Varas de Registros Públicos abrangendo o Poder Judiciário e a Atividade Extrajudicial. A deliberação para o aperfeiçoamento desses profissionais durante os encontros regionais ocorreu em 30 de setembro na 5ª reunião realizada entre o juiz Algomiro Neto, diretores de área da Corregedoria e representantes dos cartórios extrajudiciais. Em seguida, o juiz Aldo Guilherme Saad Sabino de Freitas, auxiliar da Corregedoria e coordenador do Programa Encontro Regional, discorre sobre as inovações do Novo Código de Processo Civil (CPC) de 2015 – procedimento comum.


Audiências interna e externa

Já amanhã (1º) pela manhã, ocorrerá audiência interna com magistrados e servidores com apresentações sobre perícia criminal, orçamento participativo, sistema controle e debates em geral. Neste período também estará presente o juiz Donizete Martins de Oliveira, auxiliar da Corregedoria. As capacitações acontecem paralelamente ao evento e englobarão outras duas áreas: Processo Administrativo Judicial (Proad) e Mediação e Conciliação Judicial. No início da tarde, será promovida a audiência pública voltada para a população em geral, que terá a oportunidade de expor dúvidas, críticas construtivas e sugestões relacionadas ao Judiciário para o seu real aprimoramento, presidida pelo corregedor-geral da Justiça do Estado de Goiás, desembargador Kisleu Dias Maciel Filho.

Até o momento, a atual gestão da Corregedoria, com a organização direta da equipe da da Diretoria de Planejamento e Programas, que está sob a responsabilidade de Clécio Marquez, já realizou outras quatro edições do evento nas comarcas de Luziânia, Anápolis, Itumbiara e Goianésia. Com a presença maciça de magistrados e servidores, bem como do público em geral, foram feitas quase 400 capacitações.

Comarca histórica e que foi reconhecida como patrimônio histórico da humanidade pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco) em dezembro de 2001, a Cidade de Goiás integra a 8ª Região Judiciária, que abrange mais 14 comarcas: Aruanã, Itaberaí, Itaguaru, Itapirapuã, Itapuranga, Itauçu, Jussara, Mossâmedes, Mozarlândia, Nova Crixás, Sanclerlândia, Taquaral de Goiás e Uruana. (Texto: Myrelle Motta – Diretora de Comunicação da Corregedoria-Geral da Justiça do Estado de Goiás)

Fale conosco sobre esta página