Com o objetivo de complementar o trabalho que envolve o tratamento dos beneficiários, despertando a família para os comportamentos desfuncionais, fortalecendo e preparando-a para lidar com uma realidade de dependência e codependência, o Programa Justiça Terapêutica inicia neste sábado (2) o Grupo de Apoio à Família.

Este encontro será realizado todas as semanas, das 15 às 17 horas, na sala 323-B, do Fórum Criminal Desembargador Fenelon Teodoro Reis.

Coordenado pela equipe técnica do Programa, o Grupo de Apoio à Família utilizará de diversas técnicas e abordagens psicoterapêuticas, como a Terapia Comunitária Integrativa, o Sociodrama Familiar, o Psicodrama, a Musicoterapia e a Terapia Corporal, entre outras. Estas técnicas são uma forma de estimular a participação, a auto-avaliação e a percepção de comportamentos disfuncionais e levar cada participante a despertar para comportamentos assertivos e, assim, colaborar no estabelecimento de um diálogo mais efetivo com o dependente.

Ao longo das reuniões, também está programada uma série de minipalestras com a participação de médicos, psicólogos, psiquiatras e profissionais de Direito que atuam na prevenção, no tratamento e no suporte ao dependente e aos seus familiares. O Grupo de Apoio à Família do Programa Justiça Terapêutica será aberto a todo interessado, tenha ou não o problema de drogadição instalado na família, trabalhando-se assim também a prevenção. (Texto: Equipe do Programa Justiça Terapêutica)

 

Serviço

Reunião do Grupo de Apoio à Família - Justiça Terapêutica
Data de início: Sábado - 2 de março
Horário: 15 às 17 horas
Local: Fórum Desembargador Fenelon Teodoro Reis (Rua 72, sala 103, Jardim Goiás - Goiânia)
Realização: Equipe técnica do Programa Justiça Terapêutica
Informações: (62) 3018-8142 e Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Fale conosco sobre esta página