Em solenidade realizada no Salão Nobre da Presidência do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), na manhã desta terça-feira (6), foi assinado o termo de assunção de 15 juízes para a comarca de Goiânia. Os pedidos dos magistrados foram apreciados em sessão extraordinária do Órgão Especial, realizada no dia 22 de junho.

Foram promovidos pelo critério de antiguidade os juízes Jonas Nunes Resende, Luís Henrique Lins Galvão de Lima, Vanderlei Caires Pinheiro, Roberto Bueno Olinto Neto, Carlos Magno Caixeta da Cunha, Dante Bartoccini e Lara Gonzaga de Siqueira. Por merecimento, os magistrados Simone Monteiro, Éder Jorge, Ana Cláudia Veloso Magalhães e Nickerson Pires Ferreira. Já os juízes Élcio Vicente da Silva; Antônio Cezar Pereira Menezes e Claudiney Alves de Melo, foram removidos por antiguidade. A juíza Sandra Regina Teixeira Campos, foi removida por merecimento.

Na solenidade, que contou com a presença dos 15 juízes, seus familiares, servidores e amigos, o presidente do TJGO, desembargador Walter Carlos Lemes, falou da satisfação em receber os magistrados neste novo ciclo. “A chegada de vocês com essas promoções e remoções, com certeza, vamos ter um novo ânimo para o nosso trabalho. É um prazer tê-los conosco”, discursou.

O desembargador-presidente lembrou que antes de ser presidente do TJGO e corregedor, ele foi magistrado por isso, sabe bem das dificuldades enfrentadas por cada dos juízes que estavam sendo promovidos e removidos. “Os juízes goianos são ousados, destemidos e praticam o direito e justiça e sobretudo, com muita imparcialidade. Que vocês sejam muito bem-vindos, felizes e vamos seguir juntos”, disse. “Meu gabinete fica aberto e eu não trabalho de portas fechadas”, completou.

O corregedor-geral da Justiça em Goiás, desembargador Kisleu Dias Maciel Filho, disse que passou um filme pela sua cabeça durante a solenidade do Termo de Assunção. “Sei o quanto é difícil fazer essa escolha e, por isso, desejo boas-vindas e sucesso a cada um de vocês”, salientou.

A juíza Ana Cláudia Veloso Magalhães, promovida para a 9ª Vara Criminal de Goiânia, falou em nome dos colegas. Ela agradeceu a atual gestão pela comprometimento e atenção com os magistrados e disse estar honrada em poder representar os colegas removidos e promovidos em um momento tão importante. “Agradecemos ao senhor por ter votado nossos pleitos. Temos ciência concreta do esforço que a Presidência tem feito para atender os nossos desejos. O senhor nos representa qualificadamente”, frisou.

Segundo o presidente da Associação dos Magistrados do Estado de Goiás (Asmego),  juiz Wilton Müller Salomão, o momento é de alegria. Segundo ele, chegar a Goiânia, que é entrância final, é o que o juiz almeja na carreira. “É importante para vocês e para nós também. Que vocês tenham sucesso nessa nova empreitada”, frisou.

A juíza Sirlei Martins da Costa, auxiliar da Presidência, ressaltou a felicidade em ver cada um dos colegas para assinatura dos termos. “Parabéns. E que aqui vocês tenham muito sucesso e realizações”, desejou ela aos magistrados.

Comarca de Goiânia: 40% do acervo processual
O diretor do Foro da comarca de Goiânia, juiz Paulo César Alves das Neves, também destacou que chegar a Goiânia é o momento final na carreira no primeiro grau. A comarca de Goiânia, de acordo com ele, representa muito na estrutura do Poder Judiciário goiano. Nela estão mais de 40% do acervo processual do Estado. Além disso, são 114 juízes, mais de 2 mil servidores entre efetivos, comissionados, estagiários e terceirizados e uma estrutura com cinco prédios. “ A comarca ganha muito com os novos juízes. Vocês chegam para reforçar esse quadro de magistrados, que tem como finalidade maior a entrega da prestação jurisdicional. Sejam bem-vindos”, finalizou o diretor do Foro da comarca de Goiânia.

Também participaram da solenidade, o ouvidor do Poder Judiciário goiano, desembargador Carlos Alberto França; os juízes auxiliares da Presidência do TJGO, Cláudio Henrique Araújo de Castro e Fabiano Abel de Aragão Fernandes; o juiz Aldo Guilherme Saad Sabino de Freitas, auxiliar da CGJGO; e o 1º vice-presidente da Asmego, Homero Sabino de Freitas. (Texto: Arianne Lopes / Fotos: Aline Caetano – Centro de Comunicação Social do TJGO)

Veja a galeria de fotos

Fale conosco sobre esta página