A Diretoria Geral do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO) lançou, nesta segunda-feira (18), um relatório com as principais realizações feitas até agora na gestão do desembargador Walter Carlos Lemes. A publicação, com 72 páginas, traz iniciativas relacionadas à prestação jurisdicional; engenharia e infraestrutura; gestão de pessoas, material, patrimônio e frota; gestão financeira; tecnologia da informação e comunicação, Centro de Saúde e Junta Médica.

O documento destaca, entre outras ações, a criação do Banco de Administradores Judiciais; a readequação da força de primeiro grau; o projeto-piloto para implantação da Central de Processamento Eletrônico do 1º Grau de Jurisdição e a criação da Vara dos Feitos Relativos a Delitos Praticados por Organização Criminosa e de Lavagem ou Ocultação de Bens, Direitos e Valores, finalizada em agosto.

A criação do primeiro Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania da Saúde do Brasil, exclusivo para atender a temática da saúde; a assinatura do Termo de Cooperação Técnica que destina verbas de ações de combate à corrupção para recuperação da rede física das escolas públicas estaduais e a digitalização do Acervo de Processos Cíveis (interior) e Criminais (capital e interior) também foram noticiados pelo relatório.

Ainda na parte da prestação jurisdicional, foram listadas a instalação da 2ª Vara Judicial (Fazendas Públicas, Criminal, Execução Penal e Juizado Criminal) das comarcas de Caiapônia, Guapó e Aragarças, além da instalação da 2ª Vara de Família e Sucessões de Rio Verde, da 2ª Vara de Itaberaí e também da comarca de Goianésia.

Reforma
Quanto à infraestrutura, o relatório reporta o início da reforma do Edifício Bloco B da sede do TJGO, que abrange ampla adequação e modernização do prédio, com intervenção elétrica e hidráulica, modificação do piso, divisórias, banheiros e espaços comuns. Além disso, o documento traz ainda a locação de salas para funcionamento dos gabinetes de desembargadores, que serão alojados em imóvel situado na Avenida T-7, enquanto durar a intervenção.

Também foram listadas, nesta área, o projeto de construção do Fórum da Comarca de Bela Vista de Goiás, a conclusão da Reforma do Edifício Sede do TJGO, elaboração de projeto paisagístico e execução de serviços de jardinagem e arborização dos espaços internos e externos ao Ed. Clenon de Barros Loyola, em cooperação com a Prefeitura de Goiânia (Comurg).

Tecnologia
Contratação do Sistema de áudio e vídeo das Sessões do Órgão Especial, estudo técnico para implantação de sistema de videomonitoramento com reconhecimento facial e leitura de placas instalação de cercas elétricas concertinas nos fóruns de 26 comarcas do interior; sistema integrado de gestão de pessoas e aprovação no Órgão Especial da Data-Base para os Servidores também constam do documento, que pode ser consultado aqui. (Texto: Aline Leonardo/ Centro de Comunicação Social do TJGO)

Fale conosco sobre esta página