Neste ano, pela primeira vez, a Corregedoria-Geral da Justiça de Goiás (CGJGO) irá certificar e condecorar o desempenho de várias unidades judiciárias do Estado, bem como de magistrados e servidores, em razão do expressivo número de processos referentes aos crimes dolosos contra a vida, que resultou na realização de 155 júris em novembro de 2017. A sessão solene será realizada nesta quinta-feira (8), às 14 horas, no 2º Tribunal do Júri de Goiânia e será conduzida pelo corregedor-geral da Justiça de Goiás, desembargador Walter Carlos Lemes. Serão homenageados 17 juízes e 16 servidores, cuja premiação ocorrerá nos moldes do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) em três categorias: Selo Ouro (mais de oito sessões), Prata (entre cinco e oito sessões) e Bronze (pelo menos quatro sessões).

Como forma de se aproximar ainda mais da população e estimular a consciência da responsabilidade social, o Tribunal de Justiça do Estado de Goiás instituiu e regulamentou, por meio do Decreto Judiciário nº 1.445/17, assinado pelo presidente do TJGO, desembargador Gilberto Marques Filho, o Programa de Serviço Voluntário no âmbito do Poder Judiciário. A medida, que dá cumprimento à Meta 6 do Plano de Gestão da Corregedoria-Geral da Justiça de Goiás (CGJGO), que dispõe sobre a conciliação em forma de serviço voluntário no Poder Judiciário goiano em três comarcas, permite que a atividade não remunerada seja exercida na instituição por pessoa física maior de 18 anos, servidores públicos aposentados, estudantes ou pessoas formadas nas áreas afetas ao Judiciário.

Foi iniciada na segunda-feira (22) e segue até o dia 31 de janeiro a força-tarefa para auxiliar na 2ª Vara de Execução Penal (VEP) de Goiânia,  unidade judiciária responsável pelos processos de presos que cumprem pena nos regimes abertos e semiabertos. O corregedor-geral da Justiça do Estado de Goiás, desembargador Walter Carlos Lemes, e os juízes auxiliares da Corregedoria-Geral da Justiça de Goiás (CGJGO) Sirlei Martins da Costa e Murilo Vieira de Faria, acompanharam os trabalhos na manhã desta quinta-feira (25).

Teve início, na manhã desta sexta-feira (26), o 1º Curso de Capacitação de Conselheiros Tutelares, no auditório da Associação dos Magistrados do Estado de Goiás (Asmego). Esta é a primeira etapa de cinco e abrangeu os conselheiros tutelares dos municípios da 2ª e 5ª Regiões, que fazem parte das comarcas polos de Anápolis  e Luziânia. Durante o evento, que prossegue na tarde de hoje, foram promovidos debates com o promotor e coordenador do CAO da Infância e Juventude do Ministério Publico do Estado de Goiás (MPGO), Publius Lentulus Alves da Rocha, e com a juíza diretora do foro da comarca de Goiânia e coordenadora da Infância e Juventude da capital, Maria Socorro de Sousa Afonso e Silva.

O presidente do TJGO, desembargador Gilberto Marques Filho, e o corregedor-geral da Justiça do Estado de Goiás, desembargador Walter Carlos Lemes,  participaram, nesta segunda-feira (15), da abertura de curso sobre Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) ministrado no comanda da Academia de Polícia Militar do Estado de Goiás.