O presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), desembargador Carlos França, determinou a alteração do Decreto Judiciário nº 235/2923, que trata da lotação dos 46 candidatos aprovados no 2º Processo Seletivo para a função de Juiz Leigo deste Tribunal. A iniciativa se deu em razão de erro material de lotação desses juízes leigos em algumas unidades judiciárias.    Com isso, foi definida a alteração do mencionado ato para constar as retificações de duas juízas leigas e três juízes leigos.

O presidente da  Comissão de Memória e Cultura do Poder Judiciário do Estado de Goiás, desembargador Itaney F. Campos, coordenou reunião com os integrantes daquela comissão, nesta sexta-feira (27), para estabelecer projetos e ações que contribuam para preservação e consolidação da memória institucional do Poder Judiciário goiano.

O presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), desembargador Carlos França, por meio do Decreto Judiciário nº 235/2023, deliberou sobre a lotação das candidatas e candidatos aprovados no 2º Processo Seletivo para a função de Juiz Leigo no TJGO. O ato entrou em vigor nesta sexta-feira (27) e os 46 aprovados serão lotados na comarca de Goiânia e em nove comarcas do interior: Anápolis, Águas Lindas de Goiás, Caldas Novas, Aparecida de Goiânia, Jataí, Catalão, Ceres, Senador Canedo e Luziânia. (Texto: Lílian de França – Centro de Comunicação Social do TJGO)

A Diretoria do Foro da comarca de Aragarças informa que o fórum local está sem energia elétrica nesta sexta-feira (27), em virtude da instalação de gerador de eletricidade. Ainda conforme a Diretoria do Foro, partes e advogados podem entrar em contato com a comarca por meio dos canais oficiais de atendimento (E-mail, WhatsApp Business, Gabinete Virtual), ou pelo telefone (64) 3638-1300

 

 

 

  •    

    Ouvir notícia: