Com a presença de 94 participantes, incluindo seis magistrados, as primeiras atividades desta quarta-feira (27) da sétima edição do Encontro Regional da 10ª Região Judiciária, que tem Iporá como comarca polo, e que de forma inédita acontece em formato digital, foi marcada por momentos de motivação, integração, sensibilização e aprimoramento. Promovido pela Corregedoria-Geral da Justiça do Estado de Goiás em parceria com a Escola Judicial de Goiás (Ejug), as mensagens iniciais foram transmitidas por meio da plataforma eletrônica "Zoom Meetins" pelos juízes Aldo Saad Sabino de Freitas, auxiliar da CGJGO e coordenador do Programa Encontro Regional, e Samuel João Martins, diretor do Foro de Iporá, seguidos por Rui Gama da Silva, secretário-geral da CGJGO, e Clécio Marquez, diretor de Planejamento e Programas da Corregedoria, setor responsável pela organização do Encontro Regional on-line. 

Com uma palavra encorajadora e de estímulo a servidores e magistrados, o juiz Aldo Sabino lembrou que os tempos conturbados de pandemia da Covid-19 também são de aprendizado e que o Encontro Regional On-line é uma proposta inovadora, adequada a essa nova realidade. "O Encontro Regional On-line foi pensado e desenvolvido desta forma porque assim estamos todos conectados, unidos por um só objetivo, que é melhorar a prestação jurisdicional capacitando os nossos servidores no âmbito virtual com cursos diversificados e utilizando as  ferramentas eletrônicas em favor de toda a sociedade, assolada pelas circunstâncias impostas pelo novo coronavírus. A Justiça não pára e seguimos em frente mesmo diante de todas as adversidades estabelecendo a comunicação com os magistrados, servidores, cartorários e instituições que representam a população de forma geral, e estimulando o conhecimento e e o aperfeiçoamento", frisou.

Ao considerar o momento diferente vivenciado por toda a sociedade, em razão da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), o juiz Samuel Martins disse que esse período de adaptação para servidores e magistrados tem sido desafiador e demanda um cuidado maior por parte de todos, mas também lembrou que o uso adequado das ferramentas tecnológicas disponíveis tem aberto um leque de possibilidades, que, uma vez bem trabalhadas, reflete diretamente no aumento da produtividade.

“O Encontro Regional On-line é justamente uma oportunidade ímpar que temos de adaptação a essa nova dinâmica inerente desse tempo diferenciado que estamos experimentando. Hoje temos muitos recursos inteligentes à nossa disposição e nada melhor que esse encontro tão importante para desenvolvermos essas habilidades porque aliamos capacitações, reuniões institucionais e audiências públicas nos aproximando, mesmo à distância, e auxiliando na produtividade do Poder Judiciário”, ressaltou.

Na sequência, o secretário-geral da CGJGO, Rui Gama saudou os presentes em nome do corregedor-geral da Justiça do Estado de Goiás, desembargador Kisleu Dias Maciel Filho, e também falou um pouco sobre os novos tempos decorrentes da pandemia da Covid-19, denominado “novo normal”, e conclamou os participantes a se manterem firmes e focados. Ele também elogiou a forma pioneira e criativa com que o Encontro Regional foi desenvolvido, enfatizando a boa adesão dos servidores e juízes. “Essa é a maneira de estamos juntos, de efetivamente estarmos conectados. Com todos os esforços conjuntos empreendidos venceremos este momento complexo e o Encontro Regional digital é uma prova de que podemos superar as dificuldades em prol da melhora da prestação jurisdicional”, salientou. Por sua vez, Clécio Marquez, observou que a diversidade de cursos e opções de painéis oferecidos aos servidores e participantes neste novo formato do Encontro Regional é uma forma de fomentar o conhecimento e a produção do Judiciário como um todo.

Sensibilidade, autogestão, foco e atitude positiva

A abertura do evento aconteceu de forma especial por meio de um painel motivacional conduzido pelas servidoras Daniela Botelho e Patrícia Magalhães, integrantes da Diretoria de Recursos Humanos (DRH) do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás.  Com maestria e sensibilidade, as duas servidoras, que falaram em nome da diretora de RH do TJGO, Wanessa Alves, agradeceram à Corregedoria pela oportunidade e acentuaram a missão desafiadora de trazer a proximidade das pessoas nessa nova era digital, ampliada pela pandemia da Covid-19. 

Com a temática “Todos Somos líderes - Como liderar com eficiência e sensibilidade em tempos de pandemia”, a apresentação, que mesclou exercícios de relaxamento e reflexão, apresentação de vídeos inspiradores, autoliderança, resgate da identidade, formas de lidar com o stress no home office (em meios às sobrecargas das tarefas profissionais e pessoais), organizações de tarefas e atitudes positivas diante da situação diferente vivenciada, emocionou todos os participantes.

“É preciso ter clareza de quem nós somos neste momento delicado para que não percamos a identidade, estar de coração aberto, trabalhar a mente para a positividade, focar naquilo que realmente temos controle, promovendo uma autogestão com disciplina e organização das tarefas do dia a dia. Somos seres humanos que precisam colocar as coisas em ordem, fazer movimentos para dentro de nós neste momento de desafio”, ponderou Daniela Botelho.

Outra dica dada pelas servidoras para enfrentar o momento, que ocasiona muito stress e angústia na maior parte das pessoas, com mais equilíbrio e serenidade, é desfocar um pouco do isolamento social, da gama de notícias recebidas todos os dias, e, especialmente, ter coragem de resgatar os próprios sonhos, pois, na opinião das profissionais, alguns permanecem adormecidos no fundo de um baú. “Essa imersão em nós mesmos propicia a identificação de fatores que causam maior stress. É preciso buscar aquilo que te motiva, que te faz bem, que te faz sorrir, que te faz verdadeiramente feliz. Procurar ferramentas interiores para passar por esse momento melhor, ir em busca daquilo que realmente te importa na vida”, atentaram as servidoras.

Além de Aldo Guilherme Saad Sabino de Freitas, auxiliar da CGJGO e coordenador do Programa Encontro Regional, e Samuel Martins, diretor do Foro de Iporá, também participaram deste momento do Encontro Regional On-line os juízes Bianca de Melo Cintra, de Aurilândia; Vanderlei Caires Pinheiro (Respondente em São Luís de Montes Belos); Wander Soares Fonseca, de Iporá, e João Geraldo Machado, também da comarca de Iporá.

Rol de capacitações

Ainda no período matutino, os servidores da 10ª Região Judiciária receberam capacitações acerca do Processo Judicial Digital (PJD) Cível - avançado ministrado pela servidora Maria de Fátima da Silva,  do Centro Judiciário de Solução de Conflitos (Cejusc) que ficou a cargo do servidor Jackson de Sousa Santos, e da Contadoria, coordenado pelo servidor Marcelo Tiago da Silva. O número total de participantes nas capacitações foi de 78, sendo 65 no PJD Cível, 13 no Cejusc e 8 na Contadoria. As capacitações aconteceram através das plataformas eletrônicas “Zoom Meetings” e “Cisco Webex Meetings” (ferramentas de videoconferências voltadas para ambientes corporativos com reuniões que suportam no máximo 111 participantes). O 1º Encontro Regional on-line da 10ª Região Judiciária, além de Iporá, alcança também as comarcas de Aragarças, Aurilândia, Caiapônia, Fazenda Nova, Israelândia, Ivolândia, Montes Claros de Goiás, Paraúna, Piranhas e São Luís de Montes Belos.

O Encontro Regional On-line, que é um desdobramento do Programa Encontro Regional, até então realizado presencialmente em cada região judiciária agraciada com o evento, objetiva o acesso e a melhoria da comunicação entre a comunidade e o Poder Judiciário nas comarcas do Estado de Goiás, além de permitir qualificação contínua, com cursos de capacitação aos seus servidores. O programa também estabelece um canal de comunicação direto com os cartorários, com a realização de reuniões com os responsáveis pelos cartórios extrajudiciais de cada localidade. (Texto: Myrelle Motta - Diretora de Comunicação da Corregedoria-Geral da Justiça do Estado de Goiás/Edição de foto: Hellen Bueno - Designer e integrante da Diretoria de Planejamento e Programas da CGJGO)

Fale conosco sobre esta página